O que você precisa saber sobre estar negativado e como limpar o seu nome

 No Empréstimo com garantia

Entenda os principais mitos e verdades sobre estar negativado e as principais dicas para recuperar o seu CPF

O número de brasileiros com restrições em seu nome cresce todos os anos. Em 2018, o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) divulgou que chega a 40,5% o percentual da população entre 18 e 95 anos que está com alguma conta em atraso ou com o nome sujo. Isto equivale a 61,7 milhões de pessoas no país com alguma restrição no CPF. A maioria das pessoas negativadas está na faixa dos 30 aos 40 anos e mora na região Sudeste do país.

Este movimento é reflexo da economia do país que incentivou e facilitou o processo de adquirir dívidas, principalmente para comprar carros, casas e eletrodomésticos. Com a recente onda de desemprego, que no início deste ano atingia mais de 12 milhões de brasileiros, o reflexo direto é no comprometimento do pagamento de dívidas.

Além de ter o nome registrado no SPC/SERASA, ambas empresas que controlam, processam e armazenam todas informações de crédito resultantes de operações realizadas entre empresas, ter o nome sujo gera muita dor de cabeça.

Esse problema é compartilhado por milhares de brasileiros, porém muitos não entendem o que estar negativo significa na prática. Com um aumento de 1,5 milhão de CPFs comprometidos desde 2016 até agora, é importante entender quais são as consequências diretas, indiretas, quais os mitos mais populares sobre o nome sujo e, o principal, como voltar a ter um nome limpo na praça.

Como fiquei negativado?

Ficar negativado é uma consequência de uma dívida que foi assumida e não foi paga dentro do prazo estipulado entre o consumidor e uma empresa. No entanto, é preciso ficar atento: isso não acontece automaticamente. Isto quer dizer que existe um processo entre o momento que você não paga algo no prazo e a inscrição do seu CPF no SPC/SERASA.

O primeiro passo quando surge a inadimplência é uma nova negociação que será proposta entre a empresa e o consumidor. Aqui, provavelmente, este devedor já sofrerá com juros ou multas sobre o valor inicial. Caso um acordo não seja fechado, o estabelecimento credor da dívida tem direito a procurar o cadastro de negativação de crédito.

A partir deste momento, quando a empresa inscreve o nome do devedor no sistema de negativação de crédito passa a ser responsabilidade desse órgão informar e cobrar o consumidor da situação da dívida. É importante estar atento: sob nenhuma hipótese se pode negativar alguém sem informá-lo de que isto irá acontecer para que o devedor tenha mais uma chance de quitar a dívida e evitar o transtorno. Se, mesmo assim, ele não pagar e estiver ciente das consequências, o nome será oficialmente negativado.

como limpar o seu nome

Quais são as consequências de estar negativado?

A partir do momento em que seu nome consta no cadastro do SPC/SERASA uma série de serviços se torna mais difícil de ser utilizada, entre elas: compras a prazo, abertura de conta em banco, aumento de limite de cheque especial ou cartões são automaticamente negadas quando se está negativado. Esqueça a emissão de cheques também.

Mas não é só isso. Desde 2012, o Tribunal Superior do Trabalho (TST) determinou que qualquer empregador poderá definir a contratação de um funcionário verificando se o nome dele consta em algum cadastro de restrição de crédito. Logo, não há regra, mas se o empregador quiser utilizar esta informação na hora de decidir sobre um novo funcionário, ele poderá.

Quem busca uma vaga de emprego por meio de concurso público também enfrentará o mesmo problema. Para assumir o cargo, caso tenha sido selecionado por meio da concorrência, é preciso ter nome limpo.

Como consultar se meu CPF está negativado?

Existem algumas formas de consultar a situação do CPF e a mais fácil é consultar o cadastro de negativados do SPC/Serasa. Para isso, basta se deslocar até uma de suas sedes ou nos sites oficiais destes órgãos.

Quais são os direitos de quem está negativado?

Quando se está com o CPF negativado é importante conhecer o que o Código de Defesa do Consumidor prevê para não ser ainda mais prejudicado por alguma postura da empresa.

Por exemplo, é direito do credor conhecer quem está cobrando. Muitas vezes se descobre que está no SPC/Serasa mas não se sabe quem incluiu. Logo, a pessoa deve ser informada sobre quem o negativou. É direito também ter ciência do valor original da dívida, quais são os juros, quais correções e encargos foram aplicados ao débito inicial.

O Código diz ainda que o credor não é obrigado a aceitar um acordo que estiver fora das suas possibilidades de pagamento. Caso qualquer irregularidade seja observada, o consumidor tem direito a ser indenizado.

Nome sujo caduca?

É preciso ter muito cuidado com esta ideia. De fato, após cinco anos as empresas precisam tirar o seu nome da lista de negativados. Porém, mesmo que o CPF esteja fora do SPC/SERASA, a dívida continua existindo. Ela só some ao ser quitada.

Como limpar o nome?

Sair da lista de mau pagador é uma necessidade, como já apontado acima para qualquer pessoa que deseje adquirir bens, utilizar cartões ou cheques e mesmo que procure emprego.

A melhor forma é buscar uma negociação com a empresa. Avaliar uma proposta que contemple o seu orçamento e permita a quitação da dívida. Em muitos casos, quando a taxa de juros é muito alta e o saldo devedor já aumentou sensivelmente, o melhor é buscar quitá-lo o mais rápido possível.

Pode parecer incoerente, mas buscar um novo empréstimo com juros baixos é uma excelente alternativa. Assim, você troca uma taxa extremamente alta por outra inferior e mais fácil de pagar. Um exemplo de empréstimo que se encaixa neste perfil é o refinanciamento imobiliário ou o empréstimo com garantia de veículo.

Estar negativado hoje no país é uma realidade bastante comum, mas com a lista de prejuízos que um nome sujo gera, a melhor opção é buscar negociar e voltar a ter o CPF fora dos cadastros do SPC/SERASA.

Recommended Posts

Leave a Comment

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Não está conseguindo ler? Clique para mudar o texto captcha txt
Atenção! A Housecredi não cobra nenhum valor para liberação do empréstimo. Nunca faça nenhum depósito antecipado ou pague taxa de avalista antes de receber seu empréstimo.
Empréstimo pessoal com garantiacrdito-com-garantia-de-imvel